Projeto de Livro Infantil (postado em 02 de Maio 2023)

 

O livro infantil "No reino encantado da Vila Franca d'el Rey" está em fase de diagramação. Ilustrado pela professora e desenhista de moda Natalie Rodrigues Alves com textos de Mauro Ferreira, o livro foi selecionado em edital da Lei Paulo Gustavo e conta com apoio e financiamento da FEAC/Prefeitura de Franca. Os exemplares serão doados à FEAC, que organizará a distribuição gratuitamente. Após concluída a etapa de diagramação, o livro irá para impressão e posterior distribuição, ao mesmo tempo em que serão oferecidas duas oficinas de ilustração coordenados por Natalie R. Alves na sede do LAB e na Pinacoteca Municipal.

 

Arte em Box em andamento (postado em 02 de Maio 2023)

 

O projeto ArteBox desenvolvido pelo artista Gerson Oliveira com o apoio do LAB das Artes está em andamento, como parte das comemorações dos 200 Anos de Franca pelo LAB, contando com o apoio e financiamento da FEAC/Prefeitura de Franca através de edital da Lei Paulo Gustavo. Serão várias as ações e produtos culturais realizados, dentre eles uma caixa com doze cartões postais da cidade, que está em fase de impressão. A distribuição do ArteBox será gratuita e dividida entre o LAB e a FEAC com imagens fotográficas emblemáticas da cidade selecionadas a partir dos acervos do Museu Histórico e de obras em aquarela da artista francana Atalie Rodrigues Alves. Ao mesmo tempo, doze bordadeiras estão customizando as mesmas imagens em formato A4 para uma exposição e palestra sobre a história de Franca destinada aos frequentadores da Sociedade Francana dos Cegos, tradicional instituição local de apoio aos deficientes visuais. Os textos dos cartões serão transpostos para leitura em Braille, permitindo ampliar o acesso ao produto artístico.

 

Retrospectiva de 50 anos do Artista Podô agita LAB (postado em 04 de Abril 2023)

 

O Laboratório das Artes apresenta a partir de 05 de Abril (Sexta-feira) até o dia 15 de Maio a mostra Retrospectiva 50 anos – Podô – desenhos, pinturas e gravuras, que reúne um grande conjunto expressivo de trabalhos da longa trajetória artística do artista e arquiteto.
Podô, o nome artístico de Fernando Antônio Pimenta Silva, nasceu em São Paulo (1956) e vive em Franca desde os dois anos de idade. Autodidata no início, começou cedo a desenhar e pintar por conta prôpria, chegou a fazer exposições na Pinacoteca Municipal até mudar-se para Ribeirão Preto, onde fez cursinho. Em seguida, transferiu-se para o Rio de Janeiro, onde se formou em arquitetura e urbanismo. A vivência na cidade grande o fez frequentar ateliês e exposições de arte. Quando retornou a Franca em 1986, além de trabalhar como arquiteto, continuou sua trajetória artística que une o profundo interesse pela arte, juntando a música ao fazer artístico em diversas modalidades, como a pintura, gravura e o desenho sobre os mais diferentes suportes, inclusive roupas.
O artista cita influências marcantes como o trabalho de Salvador Dalí, Hieronymus Bosch, René Magritte e outros. Nos últimos anos, retomou o trabalho junto ao ateliê Sanatorium, mantido pelo artista e parceiro de longa data Ivo Indiano. A exposição teve curadoria do próprio artista e está inserida na programação especialmente montada pelo Labóratorio das Artes para comemorar os 200 Anos de Franca.

Abertura: dia 05 de Abril, Sexta-feira, 20 horas.
Entrada gratuita. A exposição irá até o dia 15 de Maio.
Laboratório das Artes: Rua Cuba, 1099 – Jardim Consolação - telefone (16) 3722-5004
www.laboratoriodasartes.com.br www.facebook/lab das artes
https://www.instagram.com/laboratoriodasartes/
Horário de visitas: Segunda a Sexta, das 10h às 12h e das 14 às 17h.
Acesso gratuito Visitas monitoradas devem ser previamente agendadas

 

Projeto Catalogação e Divulgação do Acervo de Arte Moderna do Laboratório das Artes de Franca (postado em 04 de Abril 2023)

 

O projeto prevê a descrição arquivística, catalogação, digitalização e divulgação do acervo de artes plásticas sob a guarda do movimento cultural Laboratório das Artes de Franca (LAB), pertencente a seus coordenadores Mauro Ferreira e Maria Atalie Rodrigues Alves Ferreira. As obras foram reunidas pelos dois artistas, através de doações ou trocas pessoais, desde a década de 1970. Atualmente, o acervo é constituído por mais de setecentas obras de arte entre pinturas, desenhos, gravuras e esculturas, principalmente de dezenas de artistas de Franca- SP e região; além de abranger também obras de artistas de renome nacional e gravuras de artistas estrangeiros. Boa parte destas obras de arte originais em pinturas, desenhos e gravuras, traduz plasticamente as mudançças culturais que a cidade de Franca - SP atravessou desde os anos 1970, registrando e resgatando momentos de sua história. A responsável pela catalogação é a historiadora Higina Marques. Além da preservação deste importante acervo, o projeto busca valorizar o patrimônio cultural local durante as festividades de comemoração dos 200 anos da cidade. O calendário de exposições da Pinacoteca será contemplado com mostra local de expressivo nível artístico e cultural.

 

Oficina Gratuita no LAB (postado em 04 de Março 2023)

 

O projeto Solaprint, coordenado pela artista e professora Nayla Cintra já está com as inscrições abertas para a Oficina gratuita de Cologravura, que será oferecida na sede do LAB das Artes. Para mais informações, use o WhatsApp para fazer sua inscrição (16) 99124-0625. O @projetosolaprint é financiado pela Lei Paulo Gustavo por meio da Fundação de Esporte, Arte e Cultura – FEAC, na modalidade de fomento à execução de Ações Culturais no Município de Franca. Público: acima de 14 anos.

Cologravura

 

Avesso do Avesso, nova mostra no LAB (postado em 20 de Fevereiro 2023)

 

O  LAB - Laboratório das Artes, em Franca/SP, recebe a partir de 01 de Março a exposição "Avesso do avesso", individual do artista santista Julian Campos. A mostra foi contemplada pelo edital ProAC 13/2023 - Artes Visuais - Circulação de Exposição, do Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativas. A primeira cidade a receber a itinerância é Franca e, na sequência, a mostra segue para Ribeirão Preto e Praia Grande.

"Avesso do avesso", série iniciada em 2018, reúne 60 bordados de Julian Campos criados a partir de toalhas e guardanapos antigos encontrados em brechós e bazares de caridade de São Vicente/SP, onde o artista reside e trabalha. Ao criar novos bordados nessas peças, representando as suas próprias mãos e os gestos comuns do ato de bordar, o artista investiga o seu lugar como artista homem que pesquisa, produz e faz uso de uma técnica historicamente colocada como um fazer doméstico da mulher – o bordado.

A primeira edição desta exposição aconteceu em 2022, na Galeria de Arte do Centro de Atividades do Sesc Palmas, em Palmas/TO, seguida da exibição no Museu de Arte Decorativa de Uberaba/MG, no ano passado. Obras desta série já foram selecionadas e expostas em diversos salões de artes do Brasil, com destaque para o 52° SAC - Salão de Arte Contemporânea de Piracicaba, em 2023, onde um tríptico de bordados recebeu o Prêmio Prefeitura de Piracicaba e hoje faz parte do acervo público da cidade. Outros 9 trabalhos da série "Avesso do avesso" participaram do 28º Salão de Artes Plásticas de Praia Grande/SP, onde também receberam Menção Honrosa do Júri.

Em Franca, será a primeira vez que a exposição será realizada no Estado de São Paulo. Os trabalhos presentes na exposição surgiram a partir de questionamentos do artista sobre a prática tradicional do bordado e o lugar dos fazeres manuais dentro da Arte Contemporânea, chegando em temas como trabalho e gênero. Segundo Julian Campos, estas peças antigas bordadas de uso doméstico evocam uma memória afetiva que permite criar diálogos sobre os assuntos que interessam na sua pesquisa. 

Na abertura da exposição no LAB - Laboratório das Artes, no dia 01 de Março, o artista estará presente para um bate-papo com o público. Dentro da programação, Julian Campos irá ministrar a oficina "Introdução ao Bordado Livre", no dia 02 de Março, no LAB - Laboratório das Artes. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas através do formulário online no link bit.ly/oficinabordadofranca.

Sobre o artista: Julian Campos é artista visual, ilustrador e produtor cultural. Graduado em Comunicação Social pela Universidade Santa Cecília de Santos, realiza trabalhos em diversas técnicas que prezam o fazer manual, como gravura, bordado, cerâmica e colagem, tendo o desenho como assunto e linguagem artística sempre presente em sua produção. É artista colaborador do Núcleo de Livros de Artista, da Casa Contemporânea, em São Paulo/SP, onde coordena o Grupo de pesquisa e produção em Bordado Livre e seus diversos suportes – Entre Pontos. Ministra cursos e oficinas em espaços culturais como unidades do SESC, Pinacoteca do Estado de São Paulo e Oficinas Culturais do Estado de São Paulo. Tem participado de exposições, mostras e salões de artes no Brasil e no exterior com sua produção voltada à linguagem gráfica – gravura, desenho, bordado e livro de artista.

Serviço
Exposição "Avesso do avesso", de Julian Campos
Data: 01 de Março a 03 de Abril de 2024
Local: LAB - Laboratório das Artes (Rua Cuba, 1099 – Jardim Consolação – Franca/SP)
Informações: (16) 3722-5004

Programação
Abertura: 01 de Março às 20h
Visitação aberta ao público: De 01 de Março a 03 de Abril  de 2024
Segunda a Sexta, das 10 às 12h e das 14h às 17h
Entrada gratuita e Classificação Livre
Agendamento para grupos: (16) 3722-5004
Oficina "Introdução ao Bordado Livre", com Julian Campos
Data: 02/03 (Sábado)
Horário: das 14h às 17h
Público: Acima de 14 anos 20 vagas (ordem de inscrição)
Inscrições gratuitas através do formulário online no link bit.ly/oficinabordadofranca.

 

Avesso do Avesso

 

Projeto Solarprint no LAB (postado em 20 de Fevereiro 2023)

 

O projeto Solaprint busca unir arte, sustentabilidade e jovens talentos, através de uma oficina de cologravura utilizando materiais descartados pela indústria de calçados. Um dos focos do projeto é a sustentabilidade ao aproveitar materiais descartados pela indústria, como o EVA, o projeto não cria apenas arte, mas também promove a sustentabilidade e conscientização sobre o impacto ambiental dos resíduos industriais sobre a natureza. O projeto está sediado no Laboratório das Artes de Franca, onde os participantes irão da criação à confecção das obras, utilizando recortes de solados como elementos únicos em suas composições. As obras resultantes serão exibidas em muros pela cidade, integrando-se à paisagem urbana. O processo de lambe-lambe e colagem nas paredes convida os transeuntes a explorar a arte nas ruas. Inspiradas no trabalho da artista Atalie Rodrigues Alves, as obras não só explorarão a relação entre arte e indústria, mas também dialogarão com os 200 anos da cidade, incentivando debates sobre história, arte e sustentabilidade. O projeto conta com financiamento pela Lei Paulo Gustavo por meio de contrato com a Fundaccedil;ão de Esporte, Arte e Cultura – FEAC, na modalidade de fomento à execução de Ações Culturais no Município de Franca. Em breve as inscrições serão abertas em parceria com o Instituto Pró-Criança.

 

Projeto Solarprint

 

LAB inicia projetos pela Lei Paulo Gustavo (postado em 09 de Fevereiro 2023)

 

Após assinatura do contrato e repasse dos recursos pela FEAC/Prefeitura de Franca, está sendo iniciado o projeto de Catalogação e Divulgação do Acervo de Arte Moderna do Laboratório das Artes de Franca, selecionado pelo edital da Lei Paulo Gustavo. O projeto tem como objetivo catalogar e divulgar acervo de artes plásticas sob a guarda do Laboratório das Artes de Franca (LAB). No primeiro momento, serão levantadas as condições atuais das obras e a definição da plataforma de lançamento das informações. Outros três projetos apoiados pelo LAB, o de Fernanda Andrade (As Cidades das Anachrônicas) reunindo crônicas ilustradas do arquiteto e escritor Mauro Ferreira, coordenador do LAB, de Gerson Oliveira (ArteBox) e o curso de Cologravura de Nayla Cintra (esse em parceria que inclui o Pró-Criança) também estão em fase de planejamento e pré-produção, tendo o LAB como local de execução.

 

 

Expo Fora do Eixo 2 mostra acervo permanente do Laboratório das Artes (postado em 23 de Janeiro 2023)

 

O Laboratório das Artes apresenta a partir de 22 de Janeiro até o dia 28 de Fevereiro a mostra Fora do Eixo - Acervo Permanente 2024, que reúne parcela bastante expressiva das pinturas, desenhos e gravuras do acervo permanente do LAB, incluindo parte das aquisições realizadas durante o ano passado. A curadoria da mostra é da artista plástica e professora Atalie Rodrigues Alves, responsável pela manutenção e expansão do acervo.
O objetivo da mostra é divulgar as artes visuais modernas na cidade e região, incluindo a produção de grandes artistas plásticos do país. Segundo a curadora, o recorte utilizado para definir as obras que seriam apresentadas foi a inserção geográfica, com 25 artistas radicados em cidades do interior paulista e mineiro, num total de 31 obras. A mostra se insere ainda como ponto de partida do projeto de catalogação do acervo que será desenvolvido este ano com recursos da Lei Paulo Gustavo, sob a coordenação da historiadora Higina Marques.
Dentre os trabalhos da mostra estão obras de artistas bastante conhecidos no circuito cultural das artes visuais mesclados a obras de artistas modernos da região, como Atalie Rodrigues Alves, Antônio Delmônaco, Denise Müller, Edina Sikora, Gerson de Oliveira, Gustavo Lopes, Hélvio Lima, Ivo Indiano, Lucília Abrahão, Luísa Libardi, Márcia Santtos, Marcus Flávio, Maria Soler, Miguel Angelo, Odilla Mestriner, Paulo Cheida Sans, Paulo César Pereira, Paulo Moreira, Ricardo Augusto, Rodolfo Chiaverini, Salles Dounner, Semíramis Paterno, Uiliam José, Vera Ferro e Wagner de Castro. A exposição irá até o dia 29 de Fevereiro.

Laboratório das Artes: Rua Cuba, 1099 – Jardim Consolação - Telefone (16) 3722-5004

www.laboratoriodasartes.com.br
www.facebook/lab das artes
Horário de visitas: Segunda a Sexta, das 10h às 12h e das 14 às 17h.
Acesso gratuito Visitas monitoradas devem ser previamente agendadas

 

Acervo Laboratório das Artes

 

Feira do LAB (postado em 27 de Novembro 2023)

 

No dia 2 de Dezembro, Sábado, das 10 às 16h, vai ocorrer mais uma edição da tradicional Feira do LAB, que reúne artistas e artesãos com produtos criativos e de qualidade, ideal para quem quer presentear amigos com algo diferente. A mostra reune arte, artesanato, moda e culinária. Imperdível. Visite.

Feira do LAB de Natal

 

LAB apoia projetos financiados pela lei Paulo Gustavo (postado em 09 de Novembro 2023)

 

Um grande esforço foi feito pela equipe do LAB nos últimos meses: o apoio à elaboração de projetos a serem financiados com recursos da Lei Paulo Gustavo, através de editais publicados pela FEAC/Prefeitura Municipal de Franca. Seja apoiando artistas locais a elaborarem seus projetos, seja elaborando projetos próprios, das oito propostas elaboradas, seis foram selecionadas na fase inicial.

O projeto de Catalogação e Divulgação do Acervo de Arte Moderna do Laboratório das Artes de Franca é um dos selecionados e tem por objetivo descrição arquivística, catalogação, digitalização e divulgação do acervo de artes plásticas sob a guarda do movimento cultural Laboratório das Artes de Franca (LAB). Estas obras foram reunidas através de doações ou trocas pessoais, desde a década de 1970.

Com isso, o acervo terá melhores condições de preservação deste importante acervo de artes da cidade. Outro projeto, de Fernanda Andrade, prevê a elaboração de um livro temático sobre cidades brasileiras – "As Cidades das Anachrônicas" reunindo cem crônicas ilustradas com fotos do próprio autor em formato de e-book digital a partir da seleção de textos publicados originalmente na conta da rede social Facebook do escritor francano Mauro Ferreira, em coluna semanal desde 2012 (Anachrônicas da Franca do Imperador).

O ArteBox, apresentado por Gerson Silva Oliveira, visa produzir duzentos exemplares de uma caixa com 12 cartões postais coloridos e em preto e branco com seis pinturas coloridas de edifícios emblemáticos da cidade de Franca realizados em aquarela pela artista francana Atalie Rodrigues Alves e seis fotografias antigas em preto & branco de aspectos da paisagem urbana da cidade de Franca pertencentes ao arquivo do Museu Histórico de Franca e já de domínio público.

O projeto de Nayla Cintra prevê um Curso de Cologravura realizado no LAB em oito encontros semanais com três horas de duração cada. Serão contemplados 12 adolescentes de 14 a 18 anos oriundos de escola pública ou projetos sociais na cidade. Natalie R. Alves teve selecionado seu projeto que prevê a elaboração e distribuição gratuita de um livro infantil impresso e ilustrado a cores com temática que envolve a recente pandemia de COVID-19 que causou enorme impacto na vida do planeta, ambientado na cidade de Franca.

Outro projeto apoiado pelo LAB foi o de Paula Malta que contempla a realização de duas esculturas em mosaico com temas ligadas à comemoração dos 200 anos da cidade de Franca. Desta forma, o LAB cumpre seu papel de incentivador da produção artística local e reafirma seu propósito de colaborar com a formação cultural das futuras gerações.

 

Creche Maria da Cruz visita o LAB (postado em 08 de Novembro 2023)

 

A exposição Arte EmQuadra da artista Atalie Rodrigues Alves, com o apoio da FEAC/Prefeitura Municipal de Franca, recebeu dezenas de crianças da Creche Maria da Cruz para uma visita guiada seguida de atividade artística desenvolvida pelas próprias crianças através de uma releitura das obras em exposição. Conduzida pela própria artista e pela coordenadora e professora Luciana Ferreira de Oliveira junto com as professoras Júlia e Michelle, as turmas se esbaldaram com criatividade, cumprindo um dos principais objetivos do LAB, que é formar público e oferecer atividades artísticas e culturais de qualidade. A mostra prossegue até o final de Novembro e escolas podem agendar visitas guiadas pelo telefone 3722-5004. A visitação individual não precisa de agendamento de Segunda a Sexta-feira nos horários de 10-12h e 14-17h.

Visita no LAB



Oficina do Conto no LAB (postado em 23 de Outubro 2023)

 

O coordenador do LAB, Mauro Ferreira, com o apoio da FEAC/Prefeitura Municipal de Franca promove no próximo dia 31, às 19h30, mais uma oficina "Leitura do Conto", atividade do projeto do livro "Contos e Desencontros" que Mauro lançou e pode ser obtido gratuitamente no site do LAB (www.laboratoriodasartes.com.br). O evento é gratuito e aberto a todos os interessados.

Oficina no LAB



Arte EmQuadra, a nova exposição de pinturas de Atalie no Laboratório das Artes (postado em 16 de Outubro 2023)

 

Será aberta ao público em 27 de Outubro a partir das 20h na sede do Laboratório das Artes (Rua Cuba, 1099 – Jardim Consolação) a mostra "Arte EmQuadra", a nova série de pinturas que a artista Atalie Rodrigues Alves realizou através de projeto cultural do Bolsa-Cultura apoiado pela FEAC/Prefeitura Municipal de Franca que seleciona projetos de artistas locais por meio de editais.

A exposição traz doze pinturas figurativas inéditas, realizadas em tinta acrílica sobre madeira (MDF) pintadas especialmente para o projeto, baseadas na tradição do basquetebol francano. Para criar as obras, a artista realizou pesquisa sobre imagens antigas e atuais do basquete local, identificando as diversas denominações e camisetas utilizadas pela equipe francana ao longo de seus 60 anos de tradição.

O percurso artístico da autora, uma das coordenadoras do Laboratório das Artes, se inicia na década de 1970, registrando em pinturas, desenhos e gravuras de cunho figurativo e forte influência da arte pop brasileira personagens e trabalhadores da cidade em seus mais diversos ofícios, desde sapateiros, curtumeiros, boias-frias, da construção civil, tornando-a uma autêntica cronista visual da cidade.

A criação de um riquíssimo e próprio universo visual, construído a partir de pesquisas constantes sobre os elementos componentes da paisagem francana, da geografia humana, do mundo do trabalho, da arquitetura urbana e também de influências de outros lugares por onde viajou torna sua obra criativa pioneira numa cidade onde o academicismo nas artes plásticas sempre predominara. Seu trabalho se afirma ainda mais importante por se inserir num universo onde são poucas as mulheres que trabalham e vivem do ofício da pintura e da gravura.

O projeto se propôs a transpor esse olhar feminino da artista para o mundo do basquete masculino de alto rendimento, tradição da cidade que se inicia no final dos anos 1950 permitindo que esse esporte seja visto sob uma nova perspectiva, para muito além do basquete como uma modalidade esportiva que empolga sua fanática torcida. A série permite discutir através dessas pinturas o papel da tradição no momento em que a cidade vai comemorar os 200 anos de sua criação e o próprio basquete como uma dança mágica de cores e imagens.

A ideia da série de pinturas, segundo a autora, foi motivada pela beleza plástica dos movimentos dos jogadores, sessenta anos após a inauguração do ginásio do Clube dos Bagres durante o Campeonato Brasileiro de Seleçõoes de Basquete de 1962, evento que se tornou decisivo para ampliar o apoio da cidade ao basquete e a sua equipe de representação que se tornou uma das mais tradicionais do país com atividade ininterrupta desde então. A artista partiu desta perspectiva, de mostrar a plasticidade e os impactos no imaginário francano do processo de consolidação do basquete da cidade, esporte que se tornou parte da identidade local.

A mostra no Laboratório das Artes acontece de 27 de Outubro a 01 de Dezembro de 2023, com entrada gratuita. Para obter informações sobre horários de visita, acesse os perfis do Laboratório das Artes no Instagram, Facebook e https://www.laboratoriodasartes.com.br.

Serviço
Evento: Exposição de Pinturas "Arte EmQuadra".
Data de Abertura: 27 de Outubro/2023, Sexta-feira, 20 horas.
Visitação: de 27 de Outubro a 01 de Dezembro, de Segunda a Sexta-feira das 10 às 12h e das 14 às 17h.
Local: Laboratório das Artes de Franca - Rua Cuba, 1099 - Jardim Consolação, Franca – SP.
Valor de ingresso: Gratuito

Exposição Arte Emquadra



Gibiteca do LAB, Exposição e Palestra na Unesp (postado em 13 de Outubro 2023)

 

No dia 18 de Outubro, às 19h, será inaugurada na Biblioteca do campus da UNESP-Franca uma exposição sobre a História dos Quadrinhos em Franca organizada pela Gibiteca do Laboratório das Artes e Biblioteca da UNESP. Em seguida, haverá uma palestra do professor Jorge Otávio Zugliani - Jozz, ilustrador, autor de quadrinhos, designer editorial, professor e pesquisador acadêmico. O evento é aberto à comunidade.

Jozz cursou desenho e ilustração na Quanta Academia de Artes (2004–2005), graduação em Desenho Industrial pela Universidade Mackenzie (2006), especialização em Design Editorial pela Universidade SENAC (2012), mestrado em Design pela Unesp Bauru (2020) e agora é doutorando em Design pela mesma instituição.

Em 2008, ganhou o Troféu HQMIX na categoria Desenhista Revelação. Publicou "Zine Royale" (2004-2009), "O Circo de Lucca" (Devir, 2007), "Menthalos" (Annablume, 2010), "Otelo" (Nemo, 2011), "Rei Lear" (Nemo, 2012), "A Luta contra Canudos" (Nemo, 2014), "Pedra, Papel ou Tesoura" (Argentina e Uruguai, 2014 e Brasil, 2015), "A Cidade Submersa" (1aEd. 2021) e agora, "A Cidade Submersa 2aEd. – Revisada, ampliada e indignada" (2023).

Em animação, integrou a equipe de Alê Abreu durante os filmes "O Garoto Cósmico", "Passo", "O Menino e o Mundo", além de participar de outros trabalhos como "Divino De Repente", de Fábio Yamagi; "Pintas", de Marcus Vasconcelos e "Torre", de Nádia Mangolini. Em 2010, viajou meses por países da América do Sul, pesquisa que resultou no livro artesanal "América Dibujada" (2012), uma interpretação visual da obra "As Veias Abertas da América Latina" de Eduardo Galeano. Outros livros experimentais e artesanais são "Líquido" (2017) e "Dívida/Dúvida" (2019).

Atualmente, além do doutorado, segue trabalhando com ilustração e projeto gráfico editorial e dá aulas de Desenho de Observação e Oficina Gráfica na graduação em Design na Unesp de Bauru.

Gibiteca LAB



Site do LAB permite baixar livro gratuitamente (postado em 13 de Outubro 2023)

 

O livro "Contos e Desencontros" que reúne a obra completa de contos de Mauro Ferreira, coordenador do LAB, já está disponível para download gratuitamente pelo site do Laboratório das Artes (www.laboratoriodasartes.com.br), basta clicar no botão com a capa do livro que o internauta terá acesso ao livro. O e-book foi financiado com recursos do edital Bolsa-Cultura lançado pela FEAC e Prefeitura Municipal de Franca. Tem mais de 500 páginas, reunindo cinco livros de contos lançados por Mauro entre 1979 e 2004, além de um bônus track de contos inéditos.

Leitura do Conto


Curso de Aquarela na Unesp (postado em 09 de Outubro 2023)

 

Dentre as atividades de formação oferecidas pelo LAB, a artista Atalie Rodrigues Alves vai ministrar um curso de curta duração para estudantes, servidores e professores da UNESP – Franca, dentre as atividades de arte e cultura oferecidas pela unidade. As inscrições estão abertas e o curso será realizado em quatro encontros durante Outubro e Novembro.

Curso de Aquarela


Gravura mineira é nova atração no Laboratório das Artes (postado em 27 de Setembro 2023)

 

Foi aberta ao público em 25 de Setembro a mostra "Gravura Mineira" que traz a Franca gravuras realizadas por artistas professores e estudantes do ateliê de gravura da Escola de Belas Artes da Universidade Federal de Minas Gerais – EBA - UFMG. Ao todo, a exposição apresenta 32 obras de 23 artistas, entre xilogravuras, litografias, serigrafia e metal. A cooperação entre a EBA-UFMG e o LAB das Artes se deu a partir de convite do professor George Guttlich à coordenadora do LAB Atalie Rodrigues Alves para conhecer o ateliê da universidade. Participam da mostra os professores Clébio Maduro, Eliana Ambrosio, George Gutlich, Isabela Prado, Lúcia Pimentel, Maria do Carmo Freitas, Tânia Araújo e os estudantes (alguns já formados) Ana Beatriz Abreu, Cássia Alvarenga, Eduardo Rosa, Fernando Campos, Fernando Costa, Julianismo, Lina Hamdan, Mara Sifuentes, Mariana Laterza, Patrícia Ogata, Pedro Alvarenga, Renata Frazato, Roberto Haddad, Sabrine Danielle, Syl Trignelli, Thayana de Aquino, Yuruka Rena Morais

Para a EBA-UFMG, o ateliê de gravura é um lugar do labor e das trocas. Antes de se formalizar enquanto espaço de ensino e aprendizagem, o ambiente da gráfica conduz às práticas de pesquisa e de cooperação inerentes a esta arte. Esta condição difere o ensino de gravura dentre outras disciplinas nas práticas tradicionais das Belas Artes.

Uma vez que a permanência dos alunos nas instalações do ateliê extrapola em muito os horários das aulas, o compartilhamento horizontal de saberes se encontra tacitamente instituído, configurando um sistema não linear de aprendizagem. Nesta dinâmica troca de conhecimentos e de interface entre as áreas, os mestres também se permitem redescobrir o ofício a cada novo desafio.

A produção nas quatro vertentes oferecidas pela EBA-UFMG, a Litografia, a Serigrafia, a Xilogravura e a Gravura em Metal, somadas às investigações de impressão, compõem um universo de particularidades, uma vez que trata de projetos poéticos dos alunos, mas também de constelações, manifestadas por meio de certas maneiras de pensar e fazer que permeiam os procedimentos de conceber e elaborar uma imagem impressa.

O convívio entre os meios de gravação num mesmo espaço físico proporciona um diálogo que extrapola os limites dos planos de ensino e conduzem à semente de toda escola gráfica: o laboratório de experimentação. Esta experimentação permite, sobretudo, uma permeação curiosa entre ambientes e procedimentos, e, além disso, aponta para um transladar de investigações poéticas entre os diferentes meios de expressão.

Sob a premissa da experimentação e da investigação conjunta, pensou-se a seleção do conjunto de obras apresentado neste panorama. Por esta mostra pode-se verificar um testemunho do trabalho que partiu de um objetivo pedagógico, mas que apenas se delineou graças ao comum acordo entre pensamento e procedimentos.

A mostra no Laboratório das Artes acontece de 25 de Setembro a 20 de Outubro de 2023, com entrada gratuita. Para obter informações sobre horários de visita, acesse os perfis do Laboratório das Artes no Instagram, Facebook e https://www.laboratoriodasartes.com.br.

Serviço
Evento: Exposição de Gravuras "Gravura Mineira".
Data de Abertura: 25 de Setembro/2023, 10 horas.
Visitação: de 25 de Setembro a 24 de Outubro, de Segunda a Sexta-feira das 10 às 12h e das 14 às 17h.
Local: Laboratório das Artes de Franca - Rua Cuba, 1099 - Jardim Consolação, Franca – SP.
Valor de ingresso: Gratuito
Mais informações: https://www.laboratoriodasartes.com.br


Feira do LAB


Feira do LAB (postado em 06 de Setembro 2023)

 

No dia 16 de Setembro, Sábado, o LAB promove mais uma edição de sua já tradicional Feira de Arte, Artesanato, Culinária e Moda. Durante todo o dia, quase vinte produtores locais vão expor e comercializar seus trabalhos originais. Uma visita permite ainda conhecer as exposições em cartaz no LAB, de Hélio Vinci & Renina Katz e as janelas de Portugal de Atalie. As agendas personalíssimas de Karina Guaraldo, os adereços de moda de Natalie R. Alves e Marilia Gi, bordados de Regina Barbosa, peças decorativas de Marina Peliciari, obras em quiling de Clermon, Carla Ritcher com peças em feltro, Ana Carolina com livros artesanais e muitas outras atrações fazem o charme da Feira da Rua Cuba. Visite, imperdível.


Feira do LAB


Oficinas e Exposições (postado em 28 de Agosto 2023)

 

O LAB está preparando uma grande mostra de gravuras em conjunto com os professores e alunos de gravura da Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG. O professor George Gutlich, que possui obras no acervo permanente do LAB, organizou com outros professores do departamento de artes e encaminhou um conjunto de trabalhos que serão expostos logo após o encerramento da mostra em cartaz (Mestra e aprendiz, de Renina Katz e Hélio Vinci), a partir de 23 de Setembro. A mostra de Renina e Vinci pode ser visitada até o dia 20 de Setembro, sempre de Segunda a Sextas-feiras. Visitas monitoradas e em grupo devem ser agendadas pelo telefone 3722-5004.

Em paralelo, estão ocorrendo as oficinas "Leitura do Conto" organizadas pelo arquiteto e escritor Mauro Ferreira, financiadas pelo Bolsa Cultura da Prefeitura Municipal de Franca e FEAC. A primeira foi realizada no dia 28 de Agosto na Biblioteca Municipal do Champagnat, sob coordenação da professora Nilciane da E.E. Stella da Matta e da bibliotecária Clemência Andrade. A próxima deverá ser no dia 6 de Setembro, às 19h na Faculdades Metropolitanas de Franca, aberta ao público.

Leitura do Conto


Laboratório das Artes de Franca traz mostra de gravura de Renina Katz & Hélio Vinci (postado em 16 de Agosto 2023)

 

Mestra e Aprendiz” apresenta em Franca conjunto de gravuras
Aberta a partir de 14 de Agosto, a mostra "Mestra & Aprendiz" traz a Franca gravuras do artista plástico e arquiteto Hélio Vinci, ao lado de obras de uma das mais importantes artistas brasileiras da atualidade, a gravadora Renina Katz. Ao todo, a exposição apresenta 38 obras dos dois artistas, entre xilogravuras de topo e litografias, todas pertencentes ao acervo permanente do LAB.

Idealizada pela artista plástica Atalie Rodrigues Alves, a mostra é composta por obras assim descritas por Vinci:
"As naturezas mortas tem como princípio compositivo duas situações de criação. A primeira, remete às memórias de infância e aos desenhos que minha mãe executava, nos meus cadernos escolares. Resolvi criar essas gravuras em homenagem a ela. Nas outras imagens não utilizo agrupamento físico dos objetos, eles são reunidos (colecionados) mentalmente, criando gravuras que retratam situações ou pertences de determinadas pessoas. Enfim, uma memorabilia, objetos, momentos dignos de serem lembrados ou aqueles que estão guardados na memória".

"Nestes desenhos e gravuras retorno à temática urbana. Meu interesse não se desenvolve a partir da minha formação como arquiteto; é a paisagem urbana que me leva à arquitetura e não a arquitetura que me estimula a tratar plasticamente a questão urbana. Esses trabalhos foram selecionados entre aqueles produzidos no período de 1988 a 1994. Neles abandono a imagem imediata da idade - ruas, tirantes de ferro - e persigo a possibilidade de uma configuração unificadora, na qual cada momento revele uma cidade diversa das anteriores".

Hélio Vinci nasceu em São Paulo em 1952, onde reside. Formou-se em Arquitetura pela FAU USP. Durante sua formação em arquitetura frequentou a disciplina "Processos Gráficos" de Renina Katz. Sua primeira participação em exposições coletivas aconteceu em 1975 na FAU USP e a primeira exposição individual aconteceu em 1979 em São Paulo, na Graphus Galeria. Nos anos 80 e 90 intensificou sua participação em salões de arte, coletivas e individuais. Trabalhou com produção e elaboração de Projetos Gráficos, foi instrutor de desenho e gravura, ilustrador e oficineiro. Nos anos 1990 e 2000 foi professor do SENAC em São Paulo.

Em 1985 teve editado pela Edusp o livro "Hélio Vinci", da coleção Artistas da USP. Tem obras no acervo do Museu Nacional de Gravura de Curitiba, no MAM/SP MAB/SP e MAC/Fortaleza, Graphias Casa de Gravura/SP e Laboratório das Artes de Franca/SP.

Renina Katz é carioca (1925), uma das principais gravuristas do país. Junto com Edith Behring e Fayga Ostrower, Renina fez parte da primeira geração de grandes gravadoras brasileiras, o que o historiador da arte Geraldo Edson de Andrade chama de "matriarcado da gravura no Brasil".

Renina Katz iniciou sua carreira nos anos 1940, dedicando-se primeiramente à pintura de retratos e paisagens do Rio de Janeiro, utilizando elementos do expressionismo. Renina estudou pintura entre 1947 e 1950 na Escola Nacional de Belas Artes, no Rio de Janeiro, com licenciatura em desenho pela Faculdade de Filosofia da Universidade do Brasil. Durante a década de 1950, Renina continuou a trabalhar com gravura em metal, mas foi na xilogravura que realizou a maior parte de sua produção artística.

Entre 1948 e 1956, dedicou-se principalmente à técnica da xilogravura, trabalhando numa série de gravuras em madeira e linóleo. Preocupada com temas ligados ao realismo social, seu trabalho na época revela o universo de personagens marginalizados como trabalhadores urbanos, camponeses e retirantes.

Durante os anos 1960, abandona os temas de denúncia social adquirindo um estilo mais não-figurativo. Dedicou-se a pintura e ao desenho e fez estudos de cor usando serigrafia. Ela afirma que "a cor surgiu como uma necessidade na evolução do trabalho, e a multiplicação das matrizes trouxe a possibilidade de explorar os vários valores tonais".

Tornou-se docente da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo em 1965, instituição onde foi professora de Hélio Vinci. A partir da década de 1970, Renina se dedica à litografias. Nos anos 1980, o trabalho de Renina começa a apresentar superfícies translúcidas. Para conseguir esse efeito, ela grava muitas matrizes e aplica várias cores, realizando diversas impressões para obter uma única gravura.

Depois da década de 2000, problemas de saúde obrigaram a artista a abandonar a gravura e dedicar-se cada vez mais a aquarelas.
A mostra no Laboratório das Artes acontece de 14 de Agosto a 20 de Setembro de 2023, com entrada gratuita. Para obter informações sobre horários de visita, acesse os perfis do Laboratório das Artes no Instagram, Facebook e https://www.laboratoriodasartes.com.br.

Serviço
Evento: Exposição de Gravuras "Mestra & Aprendiz", de Renina Katz & Hélio Vinci.
Data de Abertura: 14 de Agosto/2023, 10 horas.
Visitação: de 14 de Agosto a 20 de Setembro, de Segunda a Sexta-feira das 10 às 12h e das 14 às 17h.}
Local: Laboratório das Artes de Franca - Rua Cuba, 1099 - Jardim Consolação, Franca – SP.
Valor de ingresso: Gratuito
Mais informações: https://www.laboratoriodasartes.com.br

Exposição Mestra & Aprendiz: Renina & Hélio


Marka inaugura escritório que parece Galeria de Arte (postado em 26 de Julho 2023)

 

 

A Marka, empresa de pré-fabricados de concreto, sempre foi uma das principais parceiras do Laboratário das Artes de Franca, apoiando projetos culturais e artistas modernos da cidade. Instalada em Brodowski, terra de Portinari, a Marka construiu seu parque fabril e recentemente fomos convidados a conhecer as novas instalações dos escritórios da empresa. Recepcionados pelos diretores Carlos Tavares e Noé Marcos, fomos surpreendidos pela beleza da solução que deram ao valioso acervo de pinturas que constituíram ao longo de anos de parceria para a elaboração do seu calendário anual distribuído a clientes e fornecedores. Os escritórios, além da qualidade da arquitetura, do paisagismo e da construção que oferece conforto e qualidade aos que ali trabalham, foram transformados numa verdadeira galeria de arte. Dezenas de obras de artistas da região, especialmente aqueles ligados ao Laboratório das Artes, foram distribuídos pelos amplos espaços do edifício, proporcionando aos trabalhadores e aos visitantes um diferencial de acesso à arte regional que tem encantado os que o conhecem. Além disso, o trabalho dos artistas foi utilizado para compor grandes painéis nas pareces de algumas das salas, realçando o papel da criatividade artística aliado aos produtos que a empresa produz. O Laboratório das Artes saúda a Marka por sua contribuição às artes e comemora essa conquista.

Visita a Marka


Ivo Indiano apresenta "Paisagem Interior" no Laboratório das Artes de Franca (postado em 15 de Julho 2023)

 

 

Pinturas de grandes dimensões em têpera sobre tela mostram imaginário do artista A partir de 02 de Junho, o artista plástico Ivo Indiano vai apresentar seus novos trabalho em pintura numa exposição intitulada "Paisagem Interior", exposição de doze obras de grandes dimensões pintadas a têmpera sobre tela suavemente coloridas, em composições que trazem imagens poéticas de caráter onírico, simbólico e figurativo.

Ivo nasceu em Uberaba (MG) em 1960, mas vive em Franca desde a infância. Estudou Artes em São Paulo e posteriormente cursou Arquitetura em Franca, onde atua com escritório de projetos desde os anos 80. É um artista com múltiplos talentos, traduzidos em enorme gama de atividades artísticas que vão do desenho à gravura, da arquitetura à edição de livros psicografados, das histórias em quadrinhos à pintura, passando pela música - durante a pandemia, lançou com parceiros um CD com músicas autorais – Projeto Pã, que pode ser ouvido em streaming. Seu ateliê Sanatorivm abriga pupilos aprendizes e artistas feitos, que se desdobram em projetos coletivos, alguns já apresentados no Laboratório das Artes. De modo geral, Ivo pinta ou desenha investindo na sua peculiar visão de mundo perpassada pela crença no espiritismo, na redenção humana pela fé e na representação dos detalhes do cotidiano da vida, da casa e da cidade que estão em seu entorno imediato, para compor obras que traduzem seu imaginário interior, também repletas de referências a suas leituras pessoais.

A mostra no Laboratório das Artes acontece de 02 de Junho a 11 de Agosto de 2023, com entrada gratuita, com abertura prevista para 02 de Junho às 20 horas, com a presença do artista.

Serviço Evento: Exposição de Pinturas "Paisagem Interior", de Ivo Indiano.

Data de Abertura: 02 de Junho/2023, 20 horas.

Visitação: de 02 de Junho a 11 Agosto, de Segunda a Sexta-feira das 10 às 12h e das 14 às 17h.

Local: Laboratório das Artes de Franca - Rua Cuba, 1099 - Jardim Consolação, Franca – SP.

Valor de ingresso: Gratuito

Mais informações: Gravurar - www.laboratoriodasartes.com.br

Exposição Ivo Indiano no LAB


Acervo LAB vai ser digitalizado (postado em 15 de Julho 2023)

 

 

O CEDAPH – Centro de Documentação e Apoio à Pesquisa História, representada pela Profa. Dra. Márcia Pereira da Silva e o Laboratório das Artes de Franca, representado pelo arquiteto Mauro Ferreira, estabeleceram parceria entre as duas instituições para realizar o Projeto "As imagens enquanto lugares de memória histórica em ações de letramento científico e educação patrimonial", aprovado e financiado pela PROEC, por meio do Programa "Vamos transformar o mundo". O Laboratório de Artes forneceu um acervo de fotografias antigas da cidade de Franca reunidos pelo movimento cultural que existe desde os anos 1980 ao CEDAPH, cuja equipe tomará todas as medidas para fazer a digitalização com o objetivo de disponibilizar todo o material fotográfico para a sociedade interessada, bem como sua guarda junto ao acervo digital do CEDAPH.

CEDAPH


Nova exposição vem aí (postado em 15 de Julho 2023)

 

 

A exposição da artista Márcia Santtos termina no próximo dia 31 de Maio e tem sido bastante visitada por estudantes de várias instituições de ensino. As gravuras elaboradas com matrizes de papel acartonado (tipo tetrapak) também tem encantado os visitantes. A próxima mostra já está em produção, vai apresentar um conjunto de novas pinturas sobre tela do artista e arquiteto Ivo Indiano, com abertura ao público prevista para a primeira semana de Junho.


Lei Paulo Gustavo (postado em 15 de Julho 2023)

 

 

O LAB tem acompanhado o processo de discussão local relativo à aplicação dos recursos federais que devem chegar à cidade através de repasse autorizado pela chamada Lei Paulo Gustavo. Dois projetos de vídeos estão em elaboração, visando disputar o edital, um deles de preservação de um filme histórico da cidade.


FACEF faz extensão com LAB (postado em 15 de Julho 2023)

 

 

Sob a coordenação do prof. Leandro Conterato, estudantes do cruso de engenharia civil do Centro Universitário Municipal de Franca - UniFACEF apresentaram nesta semana o projeto de extensão "Levantamento Topográfico da Praça Municipal destinado ao projeto Escadaria da Arte". O trabalho, elaborado por oito estudantes, servirá para a elaboração de um projeto artístico do LAB visando homenagear Franca em seus 200 anos, a ser comemorada no próximo ano. A ideia é distribuir paineis criados por artistas do LAB na praça, ao longo de uma escadaria existente na pequena praça localizada entre a avenida Major Nicácio e Rua do Comércio, a partir da busca de parceiros na iniciativa privada interessados numa ação diferente na cidade.


Bolsa Cultura (postado em 19 de Junho 2023)

 

 

A participação de artistas ligados ao LAB em editais que fomentam a produção cultural de Franca teve novamente projetos aprovados no Edital da Bolsa-Cultura mantida pela Prefeitura de Franca. Com uma das pontuações mais altas do processo seletivo, o artista plástico Marcus Flávio vai desenvolver um projeto ligado a arte urbana na cidade. Além dele, Mauro Ferreira fará o projeto de um livro digital com seus contos e a artista plástica Atalie Rodrigues Alves vai montar uma exposição com uma nova série de pinturas usando como suporte conceitual e visual o basquete francano.



INICIAL ...