Exposição "LUGARES" continua (postado em 17 de Novembro 2017)

 


Prossegue até o dia 22 de Novembro no Laboratório das Artes a mostra "Lugares" que reúne pinturas da produção recente da pintora, gravadora, desenhista e arte-educadora Atalie Rodrigues Alves, constituída por aquarelas e pinturas acrílicas sobre mdf com imagens inspiradas a partir de suas viagens e andanças pelo mundo, que incluem bancos e cadeiras de lugares públicos do Brasil e de cidades da Europa, janelas de Bogotá (capital da Colômbia) e telhados e casarios das cidades coloniais mineiras.
As 28 obras, criadas a partir de pesquisas e imagens coletadas pela própria autora em diversas cidades, é uma continuação do ofício tradicional da pintura que exerce há mais de 40 anos, recriando lugares através da memória afetiva com uso rebuscado da geometria e de cores vivas e intensas, luminosas, que fazem reviver as paisagens que a artista viu noutras paragens.
Atalie, natural de Franca, é formada pela Faculdade de Belas Artes de São Paulo (1976) e dedica-se ao ofício de artista plástica e professora de artes desde então. Dentre outras atividades, foi também diretora da Pinacoteca Municipal. Atualmente, dedica-se à coordenação das atividades artísticas do Laboratório das Artes de Franca, importante movimento cultural da cidade, do qual foi uma das fundadoras.

Serviço
Exposição: "Lugares" - Aquarelas e pinturas de Atalie Rodrigues Alves
Visitação: até 22 de Dezembro de 2017
Horário: Segunda a Sexta-feira, das 10 às 12h e das 14 às 17h
Local: Laboratório das Artes de Franca
Endereço: Rua Cuba, 1099 - Jardim Consolação - Franca (SP)



Piracicaba recebe Exposição "Gravura do LAB" (postado em 07 de Novembro 2017)

 


Será inaugurada na Galeria da Bauhaus em Piracicaba (R. José Pinto de Almeida, 258 - Jardim Europa), no próximo dia 10 de Novembro (Sexta-feira), às 20 horas, a mostra Gravura do Lab, que reúne a produção recente do núcleo de gravadores do LAB Atalie Rodrigues Alves, Denise Muller, Ivo Indiano, Marisi Mancini e Uiliam José, constituída por um conjunto de gravuras em várias técnicas como linóleo, metal e xilogravura. Os artistas participam do movimento cultural do Laboratório das Artes de Franca, coletivo de artistas do Laboratório das Artes - LAB, um movimento cultural da cidade de Franca, importante centro industrial localizado no interior do estado de São Paulo, que mantém um pequeno museu privado de artes visuais modernas.
Atalie, natural de Franca, é formada pela Faculdade de Belas Artes de São Paulo (1976) e dedica-se ao ofício de gravadora, pintora e professora de artes desde então. Dentre outras atividades, foi também diretora da Pinacoteca Municipal. Atualmente, dedica-se à coordenação das atividades artísticas do Laboratório das Artes de Franca, importante movimento cultural da cidade.
Denise Muller nasceu em Ribeirão Preto (1959). Fez cursos de desenho, pintura, escultura e gravura, em diversas técnicas, envolvendo-se definitivamente com as artes visuais a partir de 1996. Já realizou dezenas de exposições individuais e coletivas com seus trabalhos, em sua maioria na região de Ribeirão Preto, destacando-se o salão de arte de Rio Claro e nas universidades UNIP e UNAERP. Atualmente, possui um ateliê próprio de xilogravura em Ribeirão Preto (SP).
Ivo Indiano cursou a Faculdade de Belas Artes de São Paulo, bacharelando-se em Artes Plásticas. Posteriormente formou-se arquiteto pela Universidade de Franca, cidade onde reside desde 1985. É professor universitário de arquitetura, educação artística e coordenador do grupo Sanatorivm. Como artista plástico dedica-se ao desenho e gravura, sobretudo em metal. Suas gravuras já foram expostas no Museu Olho Latino em Atibaia, em 2010.
Marisi Mancini nasceu em São Paulo (1955). É formada em Artes Plásticas pela Faculdade de Belas Artes de São Paulo e fez pós-graduação em Arte-Educação na ECA/USP. De 1977 a 1980 frequentou o atelier do gravador Paulo Menten, com quem aprendeu xilogravura e litografia. Expôs seus trabalhos em exposições individuais e coletivas no Estado de São Paulo e participou de uma coletiva de gravura no Japão.
Trabalha com gravura e pintura em atelier próprio.
Uiliam José é artista plástico e professor da rede pública estadual e municipal com Licenciatura Plena em Educação Artística com Habilitação em Artes Plásticas pela UNIFRAN (2009). Realizou exposições individuais no Laboratório das Artes de Franca e participou de diversas mostras coletivas vinculadas ao Grupo Sanatorivm.

Serviço

Exposição: "Gravura do LAB" - Gravuras de Atalie Rodrigues Alves, Denise Muller, Ivo Indiano, Marisi Mancini e Uiliam José.
Abertura: Dia 10 de Novembro, das 20 às 22 horas
Visitação: até 30 de Novembro de 2017
Horário: 8h às 22h
Local: Escola Bauhaus
Endereço: R. José Pinto de Almeida, 258 - Jardim Europa, Piracicaba (SP)
Entrada Franca

Exposição: Gravura do LAB



Acervo do LAB está disponível no site (postado em 30 de Outubro 2017)

 


O acervo permanente do Museu de Arte Moderna do LAB está disponível no site do movimento (www.laboratoriodasartes.com.br/acervo.htm), um trabalho que permite a visualização das obras de pintura e gravura que compõem o conjunto de quase quatrocentos trabalhos sob a guarda do LAB e permitem realizar atividades de lazer, didáticas e de pesquisa ao público em geral.
O Instituto Moreira Salles e a Biblioteca Nacional também disponibilizaram, a partir de hoje, mais de 2.500 obras que abordam a história do Brasil desde o descobrimento, com obras de artistas renomados como Debret (www.brasilianaiconografica.art.br). Trata-se de uma ação que democratiza o acesso às obras, iniciadas por museus, especialmente os europeus. A França, por exemplo, integrou todos os acervos de seus museus e o portal "Europeana Collections" disponibiliza mais de 50 milhões de obras de arte sobre o continente europeu.

 



Atalie abre Exposição "LUGARES" com pinturas recentes (postado em 24 de Outubro 2017)

 


Será inaugurada no Laboratório das Artes, no próximo dia 27 de Outubro (Sexta-feira), a partir das 20 horas, a mostra "Lugares" que reúne pinturas da produção recente da pintora, gravadora, desenhista e arte-educadora Atalie Rodrigues Alves, constituída por aquarelas e pinturas acrílicas sobre mdf com imagens inspiradas a partir de suas viagens e andanças pelo mundo, que incluem bancos e cadeiras de lugares públicos do Brasil e de cidades da Europa, janelas de Bogotá (capital da Colômbia) e telhados e casarios das cidades coloniais mineiras.
As 27 obras, criadas a partir de pesquisas e imagens coletadas pela própria autora em diversas cidades, é uma continuação do ofício tradicional da pintura que exerce há mais de 40 anos, recriando lugares através da memória afetiva com uso rebuscado da geometria e de cores vivas e intensas, luminosas, que fazem reviver as paisagens que a artista viu noutras paragens.
Como escreveu o professor Norberto Stori, "Atalie trabalha as suas aquarelas não com um desígnio documental, mas sim com a sua linguagem artística, pois, trata-se de uma artista antes de tudo fiel a si própria, às suas buscas e verdade pictórica. Não se apega aos modismos e ao mercado de arte. No intimismo de suas obras, a sensibilidade está nas composições formais e cromáticas seguras, revelando a artista no seu ato criador. Espaços organizados dosando a composição com linhas verticais, horizontais, circulares e curvas, cada trabalho existe por si só, obra única. Busca a plasticidade nas formas, nas cores e nos espaços organizados".
Atalie, natural de Franca, é formada pela Faculdade de Belas Artes de São Paulo (1976) e dedica-se ao ofício de artista plástica e professora de artes desde então. Dentre outras atividades, foi também diretora da Pinacoteca Municipal. Atualmente, dedica-se à coordenação das atividades artísticas do Laboratório das Artes de Franca, importante movimento cultural da cidade, do qual foi uma das fundadoras.

Serviço

Exposição: "Lugares" - Aquarelas e pinturas de Atalie Rodrigues Alves
Abertura: dia 27 de Outubro, 20 horas
Visitação: até 22 de Dezembro de 2017
Horário: Segunda a Sexta-feira, das 10 às 12h e das 14 às 17h
Local: Laboratório das Artes de Franca
Endereço: Rua Cuba, 1099 - Jardim Consolação - Franca (SP)
Entrada Franca

Exposição: Lugares | Atalie Rodrigues Alves



CineLAB apresenta "O Jovem Karl Marx" (postado em 16 de Outubro 2017)

 


Na próxima Quinta-feira, 19 de Outubro, o CineLab apresentará o filme "O Jovem Karl Marx", a partir das 20 horas, com entrada gratuita. O Jovem Karl Marx é um filme lançado recentemente sobre a vida de um dos maiores pensadores modernos, dirigido pelo haitiano Raoul Peck, co-escrito por Raoul Peck e Pascal Bonitzer e estrelado por August Diehl. Foi exibido no Festival de Cinema de Berlim de 2017. A gigantesca obra de Marx, que inclui "O capital" influenciou toda a história dos séculos XIX e XX, principalmente a partir da Revolução Russa (que completa 100 anos) e o advento da União Soviética.
O argumento mostra Karl Marx (August Diehl) aos 26 anos embarcando para o exílio junto com sua esposa, Jenny (Vicky Krieps). Na Paris de 1844, ele conhece Friedrich Engels (Stefan Konarske), filho de um industrial que investigou o nascimento da classe trabalhadora britânica. Engels oferece ao jovem Marx a peça que faltava para completar a sua nova visão de mundo. Entre a censura e a repressão, os tumultos e a violência política, eles liderarão o movimento operário em meio à era moderna.

CineLAB: O Jovem Karl Marx



LAB expõe em Portugal (postado em 09 de Outubro 2017)

 


Sob a coordenação do artista Lauro Monteiro, a mostra COLETIVO BRASIL 2017 será inaugurada no próximo dia 13 de Outubro em Torres Vedras, cidade portuguesa próxima a Lisboa, capital de Portugal. Fazendo parte do projeto "Arte ao Centro" e com a temática-conceito "Desenho" o coletivo apresenta obras de 12 artistas brasileiros que traduzem, em suas várias técnicas e linguagens, este conceito que norteia a mostra, assim como as oficinas de inclusão social e residências artísticas na cidade de Torres Vedras.
Dentre os artistas participantes, estão André Rodrigues (São Paulo/SP), Alex Lima (Araraquara/SP), Denize Quinsler (São Carlos/SP), Esther Casanova (São Paulo/SP), Guilherme Augusto Bonini (Araraquara/SP), Jair Diniz (São Paulo/SP), Jozz Zugliani (Jaú/SP), e Nathalia Sá Cavalcante (Rio de Janeiro/RJ). Do LAB das Artes de Franca, participam Atalie Rodrigues Alves (Franca/SP), Denise Müller (Ribeirão Preto/SP), Ivo Indiano (Franca/SP) e Marisi Mancini (São Paulo/SP).

Serviço: Exposição de 13/out à 03/nov/17
Abertura: 13 de Outubro, Sexta-feira, 18h - Galeria Paços, sala 3 (3º piso).

PROSSEGUE EXPOSIÇÃO DO GRUPO SANATORIVM

Continua em cartaz até o dia 27 deste mês, a mostra intitulada "Atelier Imaginário", com a produção recente de pinturas e gravuras do grupo francano Sanatorivm. A exposição pode ser visitada de Segunda a Sexta-feira, das 10 às 12h e das 14 às 17h, assim como visitas guiadas podem ser agendadas pelo telefone 3722-5004.

Exposição: Coletivo Brasil 2017 | Lisboa



Alunos do SESI Franca visitam LAB (postado em 28 de Setembro 2017)

 


A exposição "Semelhanças & Diferenças" do artista Uiliam José recebeu a visita dos estudantes da 4ª série do ensino fundamental da escola do SESI-Franca, coordenados pela professora Raquel Garcia. Com a presença do próprio artista e monitoradas pela equipe educativa do LAB, as crianças puderam ter contato e conhecer as diversas técnicas da gravura, bem como daquelas desenvolvidas pelo artista plástico para elaborar as obras que fazem parte da mostra. A visita faz parte do projeto educativo do Laboratório das Artes visando divulgar as artes visuais contemporâneas, atividade que pode ser agendada pelo telefone 3722-5004.
A partir de amanhã à noite (29 de Setembro, 20 h), abre ao público uma nova exposição, intitulada "Atelier Imaginário", com a produção recente do grupo francano Sanatorivm.

Visita: SESI FRANCA



Exposição no Laboratório das Artes traz obras do Grupo SANATORIVM (postado em 26 de Setembro 2017)

 


Será inaugurada no Laboratório das Artes, no próximo dia 29 de Setembro (Sexta-feira), a partir das 20 horas, a mostra de gravuras, desenhos e pinturas Atelier Imaginário,um projeto que reúne quarenta obras recentes da produção do grupo francano Sanatorivm, que se reúne semanalmente no ateliê do artista Ivo Indiano.
O grupo Sanatorivm é composto pelos artistas plásticos Alexandre Oliveira, Chico Rosa, Denise Muller, Gerson de Oliveira, Ivo Indiano, Otávio Tartari e Uiliam José.

Serviço

Exposição: Atelier Imaginário, obras do Grupo Sanatorivm
Abertura: dia 29 de Setembro, às 20 horas (Sexta-feira)
Visitação: 29 de Setembro a 26 de Outubro de 2017
Horário: Segunda a Sexta-feira, das 10h às 12h e das 14h às 17h
Local: Laboratório das Artes de Franca
Endereço: Rua Cuba, 1099 - Jardim Consolação, Franca, SP

Entrada Franca
Informações: (16) 3722-5004, em Franca, SP
www.laboratoriodasartes.com.br
Visitas monitoradas ou em horários especiais devem ser previamente agendadas

Exposição: Atelier Imaginário



Arte Urgente - Museu Casa da Xilogravura (postado em 21 de Setembro 2017)

 


O Museu Casa da Xilogravura foi aberto ao público em 17 de Julho de 1987, criado por Fernando Costella, advogado, professor universitário, escritor (com mais de 30 títulos publicados) e xilógrafo. No início, o Museu ocupava uma construção nos fundos da residência de Costella em Campos do Jordão. Hoje, a Casa da Xilogravura e a Editora Mantiqueira ocupam também a residência do professor. Leda Campestrin Costella é a diretora técnica do Museu, que no futuro pertencerá a USP, quando o casal falecer. Seu acervo é composto por obras de mais de mil artistas brasileiros e estrangeiros e conta ainda com centenas de objetos diversos (clichês, cartazes, folhetos, matrizes, instrumentos, máquinas, amostras de madeira). É o único local no Brasil em que o público pode ver permanentemente em 30 salas, toda a história da xilogravura brasileira direto de obras originais. No próximo dia 23 de Setembro, Sábado, a Casa da Xilogravura, inaugura a Exposição Comemorativa dos 30 Anos do Museu e apresentará, em paredes ou em álbuns, obras de 134 gravadores, que ficará aberta até 28 de Fevereiro de 2018. Artistas do Laboratório das Artes participam desta exposição comemorativa: Atalie Rodrigues Alves, Denise Müller e Marisi Mancini, assim como artistas constam no acervo do Laboratório como a premiada Lucie Maria Schreiner (Grande Prêmio Reencontro Casa da Xilogravura 2017), Angela Leite, Cláudia Sperb (menções honrosas) e os selecionados para a mostra Célio Rosa, Renato Rea e Lilian Arbex.

Serviço: Avenida Eduardo Moreira da Cruz, 295, Vila Jaguaribe, Campos do Jordão, SP. Horário das 9 às 12 horas e das 14 às 17 horas, de Quinta a Segunda-feira. Fecha às terças e quartas-feiras. Fecha também de 1 a 25 de dezembro. Email: contato@casadaxilogravura.com.br Site: www.casadaxilogravura.com.br Telefone de contato: (12) 3662-1832


CineLAB apresenta "A Culpa é do Fidel" (postado em 18 de Setembro 2017)

 


Na próxima Quinta-feira, 21 de Setembro, o CineLab apresentará o filme "A Culpa é do Fidel", a partir das 20 horas, com entrada gratuita. O filme é uma produção francesa, dirigida por Julie Gavras. Foi o primeiro longa-metragem da diretora, lançado em 2006. Nascida na França, Julie é filha do cineasta grego Costa-Gavras, um dos mais renomados diretores europeus, famoso por filmes políticos como "Z" (1969) e "Estado de sítio" (1972). O argumento de "A Culpa é do Fidel" traz um pouco de sua própria história, a de uma criança vendo homens barbudos e sisudos se reunir em sua casa para discutir uma possível revolução comunista. Esse enredo teve um impacto imenso no público brasileiro, atraindo mais de 130 mil espectadores.

O argumento mostra o ponto de vista de Anna de la Mesa (Nina Kervel-Bey), menina que tem 9 anos, mora em Paris e leva uma vida regrada e tranquila, dividida entre a escola católica e o entorno familiar. O ano é 1970 e a prisão e morte do seu tio espanhol, um comunista convicto, balança a família. Ao voltar de uma viagem ao Chile, logo após a eleição de Salvador Allende, os pais de Anna estão diferentes e a vida familiar muda por completo: engajamento político, mudança para um apartamento menor, trocas constantes de babás, visitas inesperadas de amigos estranhos e barbudos. Assustada com essa nova realidade, Anna resiste à sua maneira. Aos poucos, porém, realiza uma nova compreensão do mundo.


Arte Urgente 2 - A Missão (postado em 08 de Setembro 2017)

 


Depois de 20 anos, em 2011, encerrei minha coluna "Arte Urgente" na imprensa de Franca. Era uma coluna com notas e comentários curtos e rápidos dedicada a acontecimentos de artes visuais não só locais. Decidi retomar a coluna, que agora passa a ser quinzenal e será veiculada no site e facebook do Laboratório das Artes de Franca.

Preservação de Obras de Arte

Um dos tópicos que sempre mencionava era a questão da manutenção e preservação de obras de arte. Tanto em papel, como em tela, a obra de arte exige cuidados mínimos como proteção contra a umidade que pode ser encontrada em uma parede ou no próprio cômodo (você imagina um quadro no banheiro?), a luz intensa que entra através de uma janela próxima, o calor que atravessa uma parede ou mesmo um cômodo que sofre alterações de temperatura. O clima brasileiro, com períodos chuvosos que trazem umidade intensa ou calor excessivo, é fonte de deterioração de uma obra de arte. Os cupins e demais insetos que perfuram telas e papéis, são problema constante em obras sobre papel. O fogo é altamente destrutivo, mas o excesso de água pode ser pior.
As molduras não tem somente o objetivo de decorar, mas também de preservar. Mas a emolduração deve estar correta. No caso da pintura a óleo, fique atento às molduras de madeira por causa dos cupins. Já no caso do papel, atenção ao uso de fitas adesivas colocadas entre a obra, o passe-partout e o fundo da moldura que, se em feito em material tipo Eucatex, por ser um material ácido, "imprime" uma imagem amarronzada no verso do papel. As obras de arte, mesmo com vidro protetor, podem deixar entrar umidade e permitir a proliferação de fungos.
Se você tem em seu poder obras de arte que aprecia ou recebeu como herança, cuide dela com o mesmo cuidado com que cuida do seu carro, da sua casa e de outros objetos importantes em sua vida.

Atalie Rodrigues Alves é artista plástica.


Arte Urgente vai voltar (postado em 31 de Agosto 2017)

 


No site do LAB e no facebook, uma nova atração deve atrair os interessados em artes visuais a partir de Setembro: o retorno da coluna "Arte Urgente", mantido na imprensa francana pela artista Atalie Rodrigues Alves durante 20 anos.



INICIAL 62 61 ...